TAYANE SANSCHRÍ

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011



É urgente sentir felicidade.
Nada de aceitar o pouco, o nada ou o quase. Aprenda a se entregar por inteiro pra mim, não em pedaços...saboreie toda essa alegria...escute a sonoridade do meu sorriso, ele quer falar de coisas nossas...do tempo deixado pra trás.
E essa urgência extrapola o limite da minha sanidade.
Permita-se, amor, para o meu querer...por inteiro, não em pedaços.
Depois de todas as circunstâncias essa urgência é necessária para que eu possa guardar a lembrança da despedida doce que ainda não pudemos ter.

Tayane Sanschrí

Um comentário:

  1. Viver tudo o que se puder viver...
    E que seja intensamente...
    SEMPRE!!!

    ResponderExcluir